TESSERA SANITARIA: Como, Onde e Por quê fazer?

22.01.2018

 

 

A tessera sanitária é o equivalente ao nosso cartão do INSS, para fazê-lo, é necessário já ter alguns documentos, que vamos citar mais abaixo.

 

Quando você faz a sua tessera sanitaria você também escolhe também o médico de família. Esse sistema de médico de família é muito usado na Europa e também no Canadá. Nada mais é do que um clínico geral que manterá um histórico da sua família. É ele que você deve recorrer quando precisar se consultar com algum especialista da rede pública. Sendo assim, caso engravide, por exemplo, deve primeiro passar com ele e pedir o encaminhamento ao obstetra.

 

A vantagem desse sistema é que esse médico generalista atenderá você e toda a sua família, além de provavelmente estar próximo da sua casa e ter todo o seu histórico de saúde. Logo, é rápido e prático.

 

Aqui os médicos costumam ser bem objetivos e dispensam aquele aquele “small talk”, ou seja, eles não vão falar sobre o tempo, sobre futebol, sobre política ou sobre qualquer outro assunto introdutório, como acontece com os médicos de convênios ou mesmo os médicos particulares no Brasil. Porém,  considerando que estamos falando da rede pública, cumpre muito bem a função.

 

Vamos aos passos:

 

ONDE?

 

Você deve procurar pela ASL (Agenzia Sanitaria Locale) mais próxima da sua casa. Para saber qual a unidade mais próxima de você, basta clicar aqui, escolher a região e ir filtrando até chegar na sua cidade ou na cidade mais próxima.

 

COMO?

 

Para fazer a tessera sanitaria, você precisa levar: carta di identità e códice fiscale.

 

Se você tiver, por exemplo, mudado de endereço e constar o endereço antigo de sua residência na carta di identità, sugerimos também levar um comprovante de endereço, visto que você será atendido pelo médico próximo a sua residência e, portanto, essa informação é muito importante.

 

Por fim, além dos originais, é importante também levar cópia simples dos documentos, pois nem sempre há um local com copiadora próximo ao local.

 

Você pega a senha de atendimento, entrega tudo ao funcionário, escolhe o médico de família de acordo com a sua preferência (nossa recomendação é escolher o mais prático da sua casa).

 

Depois disso, você sai com a sua tessera sanitaria impressa num papel e o nome, endereço, telefone e horário de atendimento do seu médico em outro papel. Depois é enviada a tessera sanitaria definitiva para o endereço que você indicar no cadastro. É gratuito.

 

POR QUÊ?

 

Sem a tessera sanitaria você não conseguira ter atendimento médico gratuito na Itália. É bom dizer que o sistema de saúde aqui é co-participativo, desse modo, exames e consultas são pagos. São valores muito razoáveis e que, de um modo geral, qualquer cidadão consegue pagar.

 

Até o próximo post!

Please reload

Posts Destacados

Cidadanias Canceladas - Entenda o motivo

19.08.2019

1/10
Please reload

Instagram
Posts Recentes

05.12.2018

Please reload

Please reload

Siga
  • Facebook Long Shadow